quinta-feira, 19 de julho de 2018

Humor: o leite e a força

Dizem que se tomar leite dá muita força. Tomei! Tentei empurrar uma parede e nada. Chateado, bebi um litro de pinga. Sabe o que aconteceu?? A parede se moveu sozinha.

Loucos e Santos

Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila.
Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.
A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos.
Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo.
Deles não quero resposta, quero meu avesso.
Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim.
Para isso, só sendo louco.
Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.
Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta.
Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria.
Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto.
Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade.
Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.
Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça.
Não quero amigos adultos nem chatos.
Quero-os metade infância e outra metade velhice!
Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa.
Tenho amigos para saber quem eu sou.
Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril.

Saudades! Sim... Talvez... e porque não?... Se o nosso sonho foi tão alto e forte. Que bem pensara vê-lo até à morte. Deslumbrar-me de luz o coração! Esquecer! Para quê?... Ah! como é vão! Que tudo isso, Amor, nos não importe. Se ele deixou beleza que conforte. Deve-nos ser sagrado como o pão! Quantas vezes, Amor, já te esqueci, Para mais doidamente me lembrar, Mais doidamente me lembrar de ti! E quem dera que fosse sempre assim: Quanto menos quisesse recordar. Mais a saudade andasse presa a mim!

Florbela Espanca 

quarta-feira, 18 de julho de 2018

Acaso

                                                     Cada um que passa em nossa vida,
passa sozinho, pois cada pessoa é única
e nenhuma substitui outra.
Cada um que passa em nossa vida,
passa sozinho, mas não vai só
nem nos deixa sós.
Leva um pouco de nós mesmos,
deixa um pouco de si mesmo.
Há os que levam muito,
mas há os que não levam nada.
Essa é a maior responsabilidade de nossa vida,
e a prova de que duas almas
não se encontram ao acaso. "

O desejo é a metade da vida; a indiferença a metade da morte!"
"A neve e as tempestades matam as flores, mas nada podem contra as sementes."
"Quem não sabe aceitar as pequenas falhas das mulheres não aproveitará suas grandes virtudes."
"Aprendi o silêncio com os faladores,a tolerância com os intolerantes,a bondade com os maldosos e,por estranho que pareça,sou grato a esses professores."

Khalil Gibran

terça-feira, 17 de julho de 2018

Comer rezar e Amar - Elizabeth Gilber

“…As pessoas tendem a pensar universalmente que a felicidade e um golpe de sorte, algo que talvez lhe aconteça se você tiver sorte suficiente, como o tempo bom. Mas não é assim que a felicidade funciona. A felicidade é consequência de um esforço pessoal. Você luta por ela, faz força para obtê-la, insiste nela, e algumas vezes viaja o mundo à sua procura. Você precisa participar o tempo todo das manifestações de suas próprias bênçãos. E, uma vez alcançado um estado de felicidade, nunca deve relaxar em sua manutenção, deve fazer um esforço sobre-humano para continuar para sempre nadando contra a corrente rumo a essa felicidade, para permanecer flutuando em cima dela. Se não fizer isso, seu contentamento interno irá se esvair. É muito fácil rezar quando se está passando por um momento difícil, mas continuar a rezar mesmo quando a crise já passou é como um processo de selamento, que ajuda sua alma a se aferrar às coisas boas que conquistou.”

José Saramago

"Se tens um coração de ferro, bom proveito. O meu, fizeram-no de carne, e sangra todo dia".
"O filho de José e de Maria nasceu como todos os filhos dos homens, sujo do sangue de sua mãe, viscoso das suas mucosidades e sofrendo em silêncio. Chorou porque o fizeram chorar, e chorará por esse mesmo e único motivo."

"Se um dia tiveres um filho, ele morrerá porque tu nasceste, desse crime ninguém te absolverá, as mãos que fazem e tecem são as mesmas que desfazem e destecem, o certo gera o errado, o errado produz o certo, Fraca consolação para um aflito, Não há consolação amigo triste, o homem é um animal inconsolável.

Talvez José Anaiço, que foi o da sentença esteja na razão, talvez o homem seja esse animal que não pode, ou não sabe, ou não quer ser consolado, mas certos atos seus, sem outro sentido que parecerem que o não têm, sustentam a esperança de que o homem virá um dia a chorar no ombro do homem, provavelmente tarde demais"

"O silêncio ainda é o melhor dos aplausos".
(Ensaio sobre a cegueira)
Escrevo porque sou uma desesperada e estou cansada, não suporto mais a rotina de me ser. Experimentei quase tudo, inclusive a paixão e o seu desespero. E agora só queria ter o que eu tivesse sido e não fui"
"Eu escrevo para nada e para ninguém. Se alguém me ler será por conta própria e auto-risco. Eu não faço literatura: eu apenas vivo ao correr do tempo. O resultado fatal de eu viver é o ato de escrever. Há tantos anos me perdi de vista que hesito em procurar me encontrar. Estou com medo de começar. Existir me dá às vezes tal taquicardia. Eu tenho tanto medo de ser eu. Sou tão perigoso. Me deram um nome e me alienaram de mim."

"Minha alma tem o peso da luz. Tem o peso da música. Tem o peso da palavra nunca dita, prestes quem sabe a ser dita. Tem o peso de uma lembrança. Tem o peso de uma saudade. Tem o peso de um olhar. Pesa como pesa uma ausência. E a lágrima que não se chorou. Tem o imaterial peso da solidão no meio de outros."

"Sobretudo um dia virá em que todo meu movimento será criação, nascimento, eu romperei todos os nãos que existem dentro de mim, provarei a mim mesma que nada há a temer, que tudo o que eu for será sempre onde haja uma mulher com meu princípio, erguerei dentro de mim o que sou um dia, a um gesto meu minhas vagas se levantarão poderosas, água pura submergindo a dúvida, a consciência, eu serei forte como a alma de um animal e quando eu falar serão palavras não pensadas e lentas, não levemente sentidas, não cheias de vontade de humanidade, não o passado corroendo o futuro! O que eu disser soará fatal e inteiro!"

"Eu queria escrever luxuoso. Usar palavras que rebrilhassem molhadas e fossem peregrinas. Às vezes solenes em púrpura, às vezes abismais esmeraldas, às vezes leves na mais fina seda macia."

Clarice Lispector


Amizade

"Amizade, o acolhimento da nossa maior autenticidade, o descanso dos
papéis sociais representados; a tolerância sem superioridade com nossos
momentos de alma pequena, quando nada vale a pena; o único lugar onde
se pode falar abobrinhas alternadas com as mais sérias confidências,
aquilo que se fala para quem se confia, em quem se tem fé, em quem se
acredita." 
 
(Francisco Daudt da Veiga)

Pombal-PB, 156 anos!


segunda-feira, 16 de julho de 2018


Versículos do dia

E Deus lhe disse: Sai para fora, e põe-te neste monte perante o Senhor. E eis que passava o Senhor, como também um grande e forte vento que fendia os montes e quebrava as penhas diante do Senhor; porém o Senhor não estava no vento; e depois do vento um terremoto; também o Senhor não estava no terremoto; E depois do terremoto um fogo; porém também o Senhor não estava no fogo; e depois do fogo uma voz mansa e delicada. 
 
O vento assopra onde quer, e ouves a sua voz, mas não sabes de onde vem, nem para onde vai; assim é todo aquele que é nascido do Espírito.

Argumento

Sei que este argumento é muito pobre
Mas sabendo o quanto és nobre
Sei que podes perdoar

Sei que este farrapo de desculpa
Não redime a minha culpa
Mas enfim eu vou tentar

Sei que fui ousado no meu gesto
Não ouvindo teu protesto
Para ouvir meu coração

Sei que uma desculpa não redime
Meu pecado quase crime
De um beijo sem permissão

Mas se fui pecador condeno a lua
Que abandonou a rua
E fugiu com o luar

Pois ela adivinhando meu desejo
Provocou aquele beijo
E assim me fez pecar

Se impetuoso fui tem compaixão
E em nome do amor
Suplico teu perdão

Perdoa meu amor
Este pecado
Sublime impulso de te haver beijado
 
Nelson Gonçalves 

Bernardinho se coloca à disposição para recuperar a carreira de Neymar

O ex-treinador da seleção brasileira de vôlei disse que gostaria de ser "coach" do atacante
 
Neymar deixou a Copa do Mundo com uma imagem bastante desgastada. E mesmo com a seleção brasileira eliminada, o camisa 10 continuou sendo um dos assuntos mais comentados do Mundial, tudo por conta das polêmicas envolvendo quedas supostamente forçadas, penteados extravagantes, temperamento exaltado dentro de campo, entre outros.
Agora, o estafe de Neymar está em alerta para tentar recuperar a imagem do jogador. Mas talvez o melhor caminho para isso esteja bem perto do craque: trata-se de Bernardinho, campeão com a seleção masculina e feminina de vôlei e pai de Bruninho, um dos melhores amigos do atacante do PSG.
Em entrevista à Rádio Gaúcha, de Porto Alegre, o ex-treinador da seleção de vôlei contou que gostaria de ser “coach” de Neymar a fim de ajudá-lo a enfrentar a pressão dentro e fora de campo.
“Estive com ele uma ou duas vezes. É um rapaz de uma a índole fantástica, um garoto excepcional. Digo isso porque cheguei em um momento da minha vida, com tanta vivência em esporte, conhecimento dos mais diversos tipos de atletas: uns mais egocêntricos, outros mais jogadores de equipe, e até brinquei dizendo que um gostaria de ser um "coach" do Neymar sobre algumas questões. Sem entrar na questão do futebol, porque não sou um conhecedor profundo da história, mas sobre comportamento e postura diante de algumas situações, como lidar com pressão, como viver algumas coisas. Primeiro pelo sentimento de carinho que tenho com ele, por essa amizade que ele tem com meu filho, e segundo porque eu acho que ele é uma pedra preciosa bruta que nós temos. O futebol mundial tem, mas nós, Brasil, temos e que precisa ser ainda lapidada, ainda trabalhada para fazer um pouco mais. E, obviamente, uma série de situações que acontecem. Por exemplo, primeiro a questão de não ter tido uma boa atuação no primeiro jogo, o cabelo... Tudo em torno dele é sempre muito polêmico, reverbera de uma forma muito forte. Acho que o foco é assim: como fazer com que ele tenha um único foco? Ali dentro o foco é esse”, disse Bernardinho, um dos técnicos mais vitoriosos do mundo do vôlei.
“Ele é de uma importância, uma relevância tão grandes no cenário mundial do futebol, que nós estamos às vésperas praticamente da final da Copa do Mundo e o tema Neymar volta à tona. E o presidente responde sobre ele, e o Will Smith responde sobre ele, o Van Basten, o grande Van Basten também fala dele... Ou seja, essa é a relevância que ele tem. É um peso enorme sobre um jovem, um menino que fez tanto, cresceu tanto e que tem um peso enorme de responsabilidade. Até ontem (sexta-feira), na Serra Gaúcha, tinha um evento e me perguntaram sobre o Neymar e a relação com meu filho. Meu filho tem uma relação de amizade verdadeira, gosta demais do Neymar e sei que a recíproca também é verdadeira”, terminou o treinador.
 
Noticiasaominuto

domingo, 15 de julho de 2018

Ah! Dentro de toda a alma existe a prova
De que a dor como um dartro se renova,
Quando o prazer barbaramente a ataca...

Augusto dos Anjos
“Eu poderia voar pelo espaço para sempre.”

Yuri Gagarin